Música + infos

Música

III ENCONTRO NACIONAL DE MULHERES NA RODA DE SAMBA COM MART’NÁLIA E FABIANA COZZA

O Encontro Nacional de Mulheres na Roda de Samba é um evento anual, cuja primeira edição foi realizada em 24 de novembro de 2018. Seu objetivo é reunir todas as mulheres que possuem relação com o samba, dentro do território nacional. Idealizado pela cantora Dorina Barros, o projeto contribui para fortalecer a divulgação da força feminina do samba para o público. O Terceiro Encontro Nacional de Mulheres na Roda de Samba será entre as artistas Mart'nália e Fabiana Cozza.

Artista/Coletivo: Mart'nália e Fabiana Cozza

Local: Theatro Municipal de São Paulo

Data: 12.12

Horário: 18h30

ELZA SOARES E FLÁVIO RENEGADO - ONDA NEGRA

Elza Soares, ícone da música brasileira, convida o rapper Flávio Renegado para apresentação intitulada #OndaNegra, uma live-show em formato intimista de sarau eletroacústico em torno do repertório de clássicos de carreira. No repertório, Elza Soares e Flávio Renegado apresentam ao vivo o single "Negão Negra", lançado em julho de 2020, música que celebra a parceria e protesta incisivamente contra o racismo estrutural que assola o mundo, em especial o Brasil. Além desse lançamento, o duo revisita clássicos, como "Malandro", "Meu Guri", "Mulher do Fim do Mundo", "Espumas ao Vento" e "Maria da Vila Matilde", entre outros sucessos na voz de Elza e composições de sua autoria, além de músicas lançadas em 2020, como "Carinhoso" e "Juízo Final".

Artista/Coletivo: Elza Soares e Flávio Renegado

Local: Theatro Municipal de São Paulo

Data: 12.12

Horário: 20h

CRIOLO

MC, cantor e compositor, Criolo iniciou sua carreira em 1989. Paulistano do bairro de Santo Amaro e criado no Grajaú, Kleber Gomes, o Criolo, escreveu seu primeiro rap aos 11 anos e sua primeira canção aos 25. Em 2011 despontou no cenário musical brasileiro com "Nó na Orelha", um dos álbuns mais comentados da última década na cena nacional. Autor de versos fortes e críticas sociais expressivas, já se apresentou ao lado de Caetano Veloso e Milton Nascimento, fez uma turnê e gravou um disco em homenagem a Tim Maia com Ivete Sangalo, além de ter composições registradas em álbuns de Ney Matogrosso, Tom Zé e Gal Costa. Em 2020, Criolo se juntou novamente a Milton Nascimento para "Existe Amor", formado por um EP com duas regravações dos músicos e duas inéditas (com arranjos de Arthur Verocai e Amaro Freitas) e um fundo para auxiliar a população em situação de vulnerabilidade social.

Local: Theatro Municipal de São Paulo

Data: 12.12

Horário: 21h30

RENNAN DA PENHA E MC KEKEL

Rennan da Penha é hoje um dos nomes mais populares no cenário do funk. De origem humilde, o produtor e DJ levou o ritmo das comunidades do Rio para o mundo. Foi um dos grandes impulsionadores do funk carioca e trouxe notoriedade ao ritmo 150 bpm. Aos 26 anos, Rennan já possui uma história digna de filme. Quando ainda residente do Baile da Gaiola, foi preso injustamente. Durante seu período aprisionado, foi manchete em todo o país, com as manifestações do público e grandes nomes do meio da música em seu favor. Junto a isso foi indicado ao Grammy Latino 2019 pela produção da música “Me Solta” com Nego do Borel e conquistou a categoria de Produtor do Ano do Prêmio Multishow 2019.
Com cerca de oito anos de carreira, MC Kekel se consolidou como um dos maiores nomes do funk, sempre lançando hits que garantem milhões de views. Bombou pela primeira vez lá em 2016, mas desde então seu sucesso só cresceu, caminhando pelo funk através de diferentes gêneros. Hoje, é considerado um dos principais nomes do estilo romântico, cantando sobre os dilemas dos jovens em seus relacionamentos, representando especialmente a galera da quebrada.

Local: Theatro Municipal de São Paulo

Data: 12.12

Horário: 23h

MÚSICA NAS SACADAS

O projeto Música nas Sacadas propõe um espaço/palco em 5 sacadas localizadas no Centro da Cidade de São Paulo, em diferentes prédios da cidade. As propostas artísticas são variadas dentro do universo instrumental e erudito, abrangendo todos os matizes musicais do gênero.

Local: Hotel América do Sul, Galeria Metrópole, Theatro Municipal, Ponto Chic

Data: 12.12

Horário:
18h /19h / 20h / 21h Duo Les Sauvages - Paulo Da Mata E Isabel Kanji (30’)
Local: Hotel América do Sul

18h /19h / 20h / 21h Duo Thompson Albuquerque (30’)
Local: Ponto Chic

18h /19h / 20h / 21h Love Songs - Jabez E Claudeli (30’)
Local: Galeria Metrópole

18h /19h20 / 20h40 / Trio Apassionata - Caroline Brito, Raphael Paixão E Fernando De Castro (30’)
Local: Sacada do Theatro Municipal de São Paulo

18h40 /20h / 21h20 Luís Otávio Santos e Guilherme De Camargo (30’)
Local: Sacada do Theatro Municipal de São Paulo

JAZZ NA KOMBI

Criado há seis anos, o projeto Jazz na Kombi ocupa espaços públicos com uma Kombi customizada, que serve de palco para shows, levando o jazz e suas vertentes para o seu lugar de origem: a rua. Desde então, já circularam por diferentes locais da cidade, da periferia ao centro. Para esses tempos de pandemia, e atentos às orientações sanitárias, os organizadores apresentam uma proposta diferenciada para a Virada Cultural 2020.

Artista/Coletivo: Duo 014, O Jazz Não Morde, DJ Mari G, Loqüazz

Data: 12.12
Horário:
18h DUO 014 (50’)
Trajeto: Conjunto Nacional > Rua Augusta > Praça Roosevelt

19h O Jazz Não Morde (50’)
Trajeto: Rua Augusta > Rua Avanhandava > Rua Martinho Prado > Praça Roosevelt

20h DJ Mari G (120’)
Trajeto: Rua Augusta > Rua Martins Fontes > Rua Avanhandava > Rua Martins Fontes > Rua Augusta > Rua Antonio Carlos > Rua Consolação > Av. Paulista > Praça Marechal Cordeiro Farias

CABARET DA CECÍLIA ITINERANTE

O Cabaret da Cecília Itinerante irá circular pela região central da cidade, com shows e performances de alguns dos principais artistas que se apresentam no Cabaret da Cecília, são os cantores Edy Star, Loulou Callas, Ivana Wonder, Luci Berce, Verônica Valenttino, e dos performers Agatha Le Blanch, Jelly Maciel, Dito Bernardo, Vevska e Rafael Leidens, com teatro de marionetes. A curadoria é realizada pelo idealizador do Cabaret da Cecília, o jornalista cultural Tiago Santos.

Local: Rua Frederico Abranches > Rua Sebastião Pereira > Largo do Arouche > Av. Duque de Caxias > Av. São João > Praça Júlio Mesquita/Rua Vitória > Av. Ipiranga > Av. São Luís > Rua da Consolação > Rua Rêgo Freitas > Rua Marquês de Itu > Rua Dona Veridiana > Rua Fortunato

Data: 12.12

Horário: 16h

BIKE SYSTEM

O Bike System é um coletivo que reutiliza, recicla e ressignifica bicicletas abandonadas pela cidade, e as transforma em aparatos difusores de arte, misturando a cultura Sound System e a mobilidade urbana. Na Virada Cultural 2020, a ação itinerante do coletivo FreeBeats Bike System será formada por 10 bicicletas, que passarão por pontos culturais e históricos da região central da cidade com um sistema de som comandado pelos DJs Mauro Farina, Salvador Araguaya, DJ Val Pescador e JaguaThirica aka ThiPessutto. Ao longo do trajeto, o coletivo vai distribuir máscaras, álcool em gel e kits para lavagem das mãos a pessoas em situação de rua.

Artista/Coletivo: Coletivo Bike System

Local: Rua da Consolação > Rua Formosa > Lago São Bento > Viaduto Santa Ifigênia > Luz > Largo do Paissandu > Rua da Consolação

Data: 12.12

Horário: 18h

BREGA MÓVEL

O Projeto Brega Móvel, com a festa Je Treme Moun Amour, pretende levar a autenticidade e a alegria da cultura do Brega para a cidade de São Paulo, com apresentações dos DJs residentes Tide e Madruga, além de artistas como a ex-chacrete Rita Cadillac e nomes contemporâneos como Givly Simons (Figueroas), Gigante César e Sucesso Repentino e Cabra Guaraná, em um “caminhão de som” em movimento, especialmente decorado.

Artista/Coletivo: Festa Je Treme Moun Amour (DJs Tide e Madruga) com apresentações de Gigante Cesar & Sucesso Repentino (PE) e Rita Cadilac

Local: Rua 13 de maio , Rua Rui Barbosa, Rua Augusta, Rua Matias Aires, Rua da Consolação, Praça Roosevelt, Rua Nestor Pestana, Av. Ipiranga, Avenida São Luís, Praça Ramos De Azevedo, Teatro Municipal na Praça Ramos, Rua Conselheiro Crispiniano, Av. São João, Rua Maria Antônia, Avenida Higienópolis, Avenida Angélica, Rua Dona Veridiana, Rua Canuto Do Val, Rua Baronesa De Itu, Rua Albuquerque Lins, Rua Das Palmeiras, Rua Sebastião Pereira, Largo Do Arouche, Rua Vitória, Av. São João, Rua Vieira De Carvalho e Largo Do Arouche

Data: 12.12

Horário: 17h

LIVE OLIDO RELOAD

O Centro Cultural Olido recebe um time de peso para defender a fusão da música eletrônica com o audiovisual. O projeto Live Olido, que antes da pandemia ocupava a Sala Olido quinzenalmente às quintas-feiras, ganhou uma versão mais encorpada, com duração de oito horas de som e imagens, e se transformou em Live Olido Reloaded, evento que integra a Virada Cultural e que será transmitido ao vivo. Com DJ e live sets do Coletivo Uh! Manas, Érica, Frontin, Psilosamples, Brisa Flow e Rai e projeções de Elka Andrello e Diogo Terra.

Artista/Coletivo: DJs - Coletivo Uh!Manas, Psilosamples, Brisa Flow, Rai,
Erica Alves e Frontin
VJS - Diogo Terra e Elka Andrello

Local: Centro Cultural Olido

Data: 12.12

Horário:
18h - 21h - Coletivo Uh!Manas
21h15 – Psilosamples
22h30 - Brisa Flow e Rai
23h45 - Erica Alves
1h - Frontin
Programação de VJS: Diogo Terra e Elka Andrello

ÉFIRO

Acompanhado de piano, Éfiro apresenta show com letras autorais, ora dançantes, ora melancólicas, com temas que falam de racismo e relacionamentos amorosos.

Local: Centro Cultural Vila Itororó

Data: 12.12

Horário: 18h

BANDA NÃ

Letras cortantes e melodias agressivas em ritmo de jazz, MPB, samba e música experimental. A banda NÃ traz nas composições do guitarrista Michel de Moura: reflexões sobre o mundo contemporâneo inspiradas no pensamento de autores como Walter Benjamin, Guimarães Rosa, Mia Couto, Mateus Aleluia e Itamar Assumpção.

Local: Centro Cultural Vila Itororó

Data: 12.12

Horário: 20h

PIANO ITINERANTE - POPULAR

Com o período de isolamento social para a prevenção contra o novo Coronavírus, a arte tem ganhado destaque no entretenimento da população. E, se as pessoas não podem sair de casa para ver um show, em razão das restrições impostas pela pandemia, a alternativa é levar o show até elas. Um piano meia cauda montado em cima de um trio elétrico irá rodar pelas ruas da cidade para levar à população música e arte em todas as regiões de São Paulo.

Artista/Coletivo: Simoninha, Rogério Rochlitz, Fernanda Porto, Leandro Lehart, Enok Virgulino, Fábio Leandro, Benziê, Tiê

Data: 12.12

Horário:
15h Simoninha (60’) - LIVRE [Música]
Trajeto: Brooklin > Campo Belo

16h15 Rogério Rochlitz (75’) - LIVRE [Música]
Trajeto: Moema > Vila Nova Conceição

18h15 Fernanda Porto (75’) - LIVRE [Música]
Trajeto: Vila Mariana > Paraíso > Liberdade

20h30 Fábio Leandro (75’) - LIVRE [Música]
Trajeto: Mooca > Tatuapé e Região

NA ROSEIRA DO CAMPO LIMPO A SERENATA - MÚSICA PARA TODOS

De suas janelas de apartamento, o público acompanhará os músicos e sua serenata musical com os Bambas da Ala de Compositores (Velha Guarda e Seresteiros) de uma das mais tradicionais escolas de samba de São Paulo: a Unidos do Peruche, que nas décadas de 1950 e 1960 promovia os encontros no Morro do Caqui em dias que não tinha samba. Os moradores irão ouvir de suas janelas os grandes clássicos das serestas das décadas de 1940, 1950 e 1960.

Ala de Compositores (Velha Guarda e Seresteiros) da Unidos do Artista/Coletivo: Ala de Compositores (Velha Guarda e Seresteiros) da Unidos do Peruche

Artista/Coletivo: Ala de Compositores (Velha Guarda e Seresteiros) da Unidos do Peruche

Local: Condomínio Parque do IPÊ - Campo Limpo

Data: 12.12

Horário: 18h

MUMU DE OLIVEIRA

Mumu de Oliveira traz no show intitulado “Música de Banhar, de Benzê e de Rezar” canções de sua autoria, que buscam levar o público a refletir sobre várias questões, como espiritualidade, negritude, identidade e autoconhecimento, dentre outras questões sociais. Com o objetivo de traduzir em música seus pensamentos, suas dores, suas alegrias e outras vivências, o artista preferiu dirigir e produzir seu próprio trabalho.

Local: Praça Comunitária Maria Lígia de Nóbrega - Cidade Ademar

Data: 12.12

Horário: 22h

ANA CACIMBA

Ana Cacimba faz o show que abre os caminhos para o lançamento do seu primeiro EP, intitulado “Cura”. No show, além das músicas do disco em produção, Ana traz outras composições autorais e interpreta também canções tradicionais do cancioneiro popular de domínio público.

Local: Comunidade Favela da Fumaça - Rua Nova Doroteia, s/n° (Campão), Balneário São Francisco/Pedreira

Data: 12.12

Horário: 18h30

SAMBA NA COMUNIDADE

Da Roda de Samba entre amigos, de ideais e de sonhos em comum, nasceu em julho de 2010, na zona leste de São Paulo, o Grupo Samba de Dom, formado por Tiago Fox, Giovanni Ovidio, Jonathan Alves e Fabinho SA, com uma imensa afinidade musical já vinda de outros trabalhos realizados juntos, parcerias e vivência de anos. Com a mistura de sambas (raiz, atualidade, samba rock, partido alto e MPB, entre outros), em um estilo musical de muito alto astral, a batucada contagiante e envolvente torna-se marca registrada, criando momentos de interação total com o público. O carisma dos músicos é um ponto que merece destaque tanto nos palcos quanto nos bastidores e no relacionamento com fãs do grupo.

Artista/Coletivo: Samba de Dom

Local: Casa de Cultura M’Boi Mirim

Data: 12.12

Horário: 18h

PAINEL GRAFITTI DRIVE THRU - HIP-HOP

Uma proposta de exposição que se adequa ao momento atual. Com um formato à distância onde quem passa não perde de vista o contato com a arte de rua e seus impactos positivos sobre os observadores e a revitalização do entorno. Sem precisar sair do veículo, o gradio da Casa de Cultura Zona Sul se transforma em um verdadeiro ateliê a céu aberto, seguro tanto para a produção dos painéis, quanto para a contemplação dos visitantes. A ação vai reunir dez produções de cinco artistas urbanos, em chapas de 3X3 metros no gradio externo da Casa De Cultura Municipal Hip Hop Sul; homenageando personalidades da cultura Hip Hop nacional.

Local: Casa de Cultura Municipal Hip Hop Sul

Data: 12.12

Horário: 11h

CORPO-LAR

O show "Corpo-lar" é a experiência da cantora e compositora Nayra Lays, em busca do autoconhecimento e da celebração. Através da música e da poesia, sua história de renascimento é cantada e recitada no palco e na vida.

Artista/Coletivo: Nayra Lays

Local: Casa de Cultura Chico Science

Data: 12.12

Horário: 18h

KATUMIRIM - MÚSICA

Katumirim é a Rapper indígena mais conhecida da internet, com mais de 39 mil seguidores no Instagram, a artista usa suas redes para falar das questões indígenas, quebrar os estereótipos e divulgar o seu trabalho. Nativa em contexto urbano, com seu estilo único e voz potente, Katú tem influenciado aos jovens tanto das cidades, quanto das aldeias; nesta apresentação traz seus grandes sucessos.
#Rap #CulturaIndigena #LGBTQ+

Artista/Coletivo: Katumirim

Local: Casa de Cultura Chico Science

Data: 12.12

Horário: 19h30

TASHA & TRACIE

Apresentação do último trabalho intitulado: "ROUFF" de Tasha & Tracie + Ashira na produção musical e vocal. Tudo começou com o blog Expensive $hit, que se transformou em um movimento que usa moda, arte e música para fortalecer a autoestima das mulheres negras da periferia.

Artista/Coletivo: Tasha e Tracie

Local: Casa de Cultura Chico Science

Data: 12.12

Horário: 21h

SHOWS DA VIRADA

O Centro Cultural Grajaú recebe a 16° edição da Virada Cultural e nessa edição que será em formato online para manter todos em segurança em suas casas curtindo o melhor da nossa programação que contará com a presença de diversos artistas e vários ritmos musicais para agradar todos os públicos. Esses artistas são: Grupo Pedindo Bis, Realidade Cruel, DBS Gordão Chefe, Wesley Rios, Jorge Ferraz e Cristiano, Luz Cláudio e Pazelli, Diógenes e

Local: Centro Cultural Grajaú

Data: 12.12

Horário:
18h (90’) Diogenes E Banda LIVRE [Música] [ON-LINE]
20h (90’) Realidade Cruel LIVRE [Música] [ON-LINE]
22h (90’) Alma Do Samba LIVRE [Música] [ON-LINE]
Local: Centro Cultural Grajaú

OTIS DRUMMER

A cultura africana se encontra ainda muito presente no território do Brasil e a importância de se evidenciá-la e traçar algumas pontes de diálogo entre os continentes é o ponto forte do show apresentado por Otis Drummer, por intermédio de uma mistura entre as músicas tradicionais dos países do sul da África com a música das percussões presentes na cultura afro-brasileira. Essa mescla se torna rica no momento em que o diálogo entre as culturas trazidas da África se encontram com suas diásporas existentes no Brasil.

Local: Centro de Culturas Negras

Data: 12.12

Horário: 19h25

DAGRACE

Dagrace Nanikob Newoh Nkwoh é uma artista camaronesa. Seu show é permeado por músicas que falam sobre autoestima, empoderamento, amor e vivências reais, carregando uma estética altamente representativa.

Local: Centro de Culturas Negras

Data: 12.12

Horário: 21h20

DOIS AFRICANOS

Há cinco anos uma dupla de africanos vem criando seu espaço na cena da música brasileira: são os Dois Africanos, que surgiu na cidade de João Pessoa, na Paraíba, através da união de dois intercambiastes vindos diretamente da África. Com letras que passeiam entre o português, francês, inglês e línguas africanas locais, como mina do Togo e fõ do Benin, a banda de world afro pop, como eles definem o próprio estilo, enaltece a garra dos moradores do continente.

Local: Centro de Culturas Negras

Data: 12.12

Horário: 22h50

CALANGO BRABO - O Rock do Sertão

Música regional, folclore e o som apimentado do bom e velho rock’n’roll são os ingredientes que deram origem à banda Calango Brabo, que traz em seu tempero a mistura da poesia, ritmo e técnica. A apresentação será presencial, com limite de público reduzido para 50 pessoas, dentro da Casa de Cultura do Butantã, com transmissão ao vivo.

Artista/Coletivo: Calango Brabo

Local: Casa de Cultura do Butantã

Data: 12.12

Horário: 18h

OS EXCLUÍDOS

Desde 1999, o grupo Os Excluídos faz punk rock com influência dos conjuntos ingleses e norte-americanos da década de 1970, como The Clash, Sex Pistols, Buzzcocks, Ramones e Misfits, entre outros. A banda já abriu shows de bandas como Stiff Little Fingers e integraram a mesma lista de Rezillos, GBH, Adicts, Olga do Toy Dolls e TSOL, entre outras. Prestes a lançar um novo álbum de estúdio, a banda é um dos principais nomes do punk rock nacional.

Local: Casa de Cultura do Butantã

Data: 12.12

Horário: 22h

ODISSEIA DAS FLORES - MÚSICA

Odisseia das flores se destaca no cenário musical por sua performance, com letras contundentes e expressões urbanas; esse trio leva o público a refletir sobre o tempo atual. O repertório conta com músicas autorais que vão desde o funk ao reggae. Atitude, originalidade e movimento são as palavras-chaves desta apresentação.

Local: Casa de Cultura São Rafael

Data: 12.12

Horário: 19h

NOITE DO TRAP

Música no gênero hip hop voltada para ao trap, um estilo de música eletrônica que geralmente mistura referências do rock, do rap e do dubstep, apresentada pelo rapper Derick Riadla, destaque na região da Cidade Tiradentes com suas músicas dançantes.

Artista/Coletivo: Derick Riadla

Local: Rua Porangaba, Jardim Vitória

Data: 12.12

Horário: 20h

DJ STEFANO

Stefano é DJ com influência na black music, com o melhor repertório de hip hop, ragga, rap, trap, black charme, flash back, soul funk, samba rock e músicas brasileiras que sempre embalam os eventos por onde toca. O artista promete uma experiência única a cada hit apresentado.

Local: Rua Milagre dos Peixes

Data: 12.12

Horário: 19h

LA.MARCA

Banda que possui 10 anos de carreira, tendo passado pelos maiores festivais independentes nacionais e participado de entrevistas em rádios como Kiss FM e 89 A Rádio Rock, além de apresentações ao lado de nomes como CPM 22, Detonautas e Pitty. O novo álbum apresenta uma nova versão, mais versátil, da banda, que mantém a mesma formação desde seu surgimento: Danilo no vocal, Funga na bateria, Dudu na guitarra e Roni no baixio.

Artista/Coletivo: Banda La. Marca

Local: Casa de Cultura de Guaianases

Data: 12.12

Horário: 20h

CABRA É FÊMEA

Trio de forró de rabeca nascido em São Paulo e formado por mulheres que visam o empoderamento feminino, a representatividade e a liberdade do corpo de padrões patriarcais, além de denunciar a homofobia, o racismo e o etnocentrismo. O grupo tem como elemento o primeiro instrumento melódico utilizado no forró e que até hoje é encontrado em diversas manifestações populares: a rabeca.

Local: Centro Cultural Vila Formosa

Data: 12.12

Horário: 20h

VESPAS MANDARINAS

Grupo de pop rock formado na cidade de São Paulo no ano de 2009, é liderado pelo compositor, vocalista e multinstrumentista Thadeu Meneghini. Seu álbum de estreia, "Animal Nacional", foi indicado ao 14º Grammy Latino na categoria Melhor Álbum de Rock Brasileiro, em 2013.

Artista/Coletivo: Thadeu Meneghini

Local: Centro Cultural da Penha

Data: 12.12

Horário: 19h

SAMBA DE RODA E JONGO COM FAMÍLIA FIU E RICARDO PERITO FAMÍLIA FIU E RICARDO PERITO SAMBA

A caminhada da Família Irmãos Unidos fundada pelo Mestre Natal (Natalino Dias da Cruz -1960-2002), se iniciou em junho dos anos 80 em Carapicuíba, se deslocando para a comunidade de Brasilândia em 1982, onde se encontra até os dias atuais, com 40 anos de existência em que a Família Irmãos Unidos se mantém em atividade e resistência.

Artista/Coletivo: Família Fiu (Família Irmãos Unidos)

Local: Casa de Cultura Brasilândia

Data: 12.12

Horário: 18h

FAMILIA GORDON MÚSICA - SOUL, R&B, JAZZ

A família tem uma história musical, que começa com a tia Dolores Duran e passa pelo pai Dave Gordon. Convivem desde cedo com grandes nomes da música brasileira em casa. O show tem como objetivo contar uma história familiar, que passa pela música brasileira, pelo soul e jazz. Izzy e Tony, juntos, mostram como cada um desenhou suas respectivas carreiras e fazem belíssimas homenagens ao cancioneiro mundial.

Artista/Coletivo: Família Gordon

Local: Casa de Cultura Brasilândia

Data: 12.12

Horário: 22h30

KUNUMÍ MC

Kunumi vai apresentar um show com músicas dos seus dois discos já lançados: o EP de estreia "My Blood is Red" (2017) e o álbum "Todo dia é Dia de Índio" (2018). No palco, que ele divide com o irmão, DJ Tupan, Kunumi ainda vai cantar os singles "Xondaro Ka'aguy Reguá", "Moradia de Deus" e "Força de Tupã". Os temas de suas músicas têm como foco a causa indígena e a cultura sagrada do seu povo, além da luta pela demarcação das terras e pela preservação da natureza.

Local: Biblioteca Padre José de Anchieta

Data: 12.12

Horário: 18h

LANÇAMENTO DO DISCO WALKING WITH FIRE

O Vodu é uma das bandas precursoras do heavy metal paulista, sendo inclusive pioneira a tocar no exterior e uma das que mais marcaram presença no circuito metal brasileiro na décadas de 1980 e início da década de 1990, com três álbuns e um EP. Está lançando neste ano o novo álbum, "Walking With Fire".

Artista/Coletivo: Banda Vodu

Local: Casa de Cultura Tremembé

Data: 12.12

Horário: 19h

PALCO LGBTQIA+ CASARÃO

DJ Joseph Rodriguez é produtor, musicista, palestrante e ativista da causa trans, racial e periférica. É idealizador do projeto Favela Industrial, uma iniciativa sobre o som marginal e político dentro da música experimental na periferia. Atualmente, faz parte do projeto e coletivo Sem Lokal, uma plataforma de música eletrônica, expressões corporais e artes visuais com foco no desenvolvimento e visibilidade LGBTQIA+.

Artista/Coletivo: Dj Joseph Rodriguez

Local: Casa de Cultura Vila Guilherme - Casarão

Data: 12.12

Horário: 21h40

PALCO LGBTQIA+ CASARÃO

Fefa transforma a Casa de Cultura Vila Guilherme, o Casarão, na sua própria casa, explorando o local e transformando-o num lar misterioso, cheio de surpresas e expressões desse corpo trans, que não está em lugar nenhum e ao mesmo tempo está em todo lugar. Estar em casa no isolamento resultou em diversos processos dentro e fora da artista, e dessa gama poética e caótica de acontecimentos nasceu “Onde eu estou agora?”.

Artista/Coletivo: Fefa convida

Local: Casa de Cultura Vila Guilherme - Casarão

Data: 12.12

Horário: 22h

PALCO LGBTQIA+ CASARÃO

Artista baiana, com grandes influências da música negra: de Nina Simone a Elza Soares, passando por Solange e Whitney Houston, trazendo um estilo marcante de sua característica vocal e singular.
Suas escolhas artísticas vão além do tradicional, com estilo, atitude, e a musicalidade de alguém que traz no repertório muita personalidade; sempre em busca do novo, e sem medo de arriscar do R&B ao eletrônico, do Jazz ao Pop, do Blues à MPB.

Artista/Coletivo: Albert Magno convida Chrisco Albert Magno

Local: Casa de Cultura Vila Guilherme - Casarão

Data: 12.12

Horário: 23h40

PALCO LGBTQIA+ CASARÃO

Iago Reizs é cantor, compositor, artista visual, produtor de conteúdo e músico instrumentista. Baianoe, formado em Teoria Musical, saiu de Salvador, na Bahia, há três anos e atualmente vive em São Paulo em busca de seus sonhos. Em suas canções, escreve sobre as experiências que já viveu, enquanto homem preto, periférico e LGBTQIA+.

Artista/Coletivo: Iago Reisz

Local: Casa de Cultura Vila Guilherme - Casarão

Data: 12.12

Horário: 21h

PALCO HIP-HOP CASARÃO - CIRCUITO URBANO

O festival Circuito Urbano – Movimentar para se Conectar é uma ação social em formato de eventos que se realizam em pocket shows de música (rap e outras variadas vertentes), danças de rua (break), recital de poesias (slams) e artes visuais (grafites e outras vertentes). Com influência cultural das periferias, o evento busca ocupar os espaços públicos e privados, de forma itinerante, e promover a verdadeira essência da arte urbana.

Local: Casa de Cultura Vila Guilherme - Casarão

Data: 12.12

Horário: 17h45

PALCO HIP-HOP CASARÃO - ORDEM NATURAL

Formada por Lum, Gato Congelado, DJ Mako e Marcelo Munari, o grupo Ordem Natural busca tocar as pessoas através da música. O som faz referências a diversas temáticas, visitando questões fundamentais do ser humano.

Artista/Coletivo: Grupo Ordem Natural

Local: Casa de Cultura Vila Guilherme - Casarão

Data: 12.12

Horário: 19h30

SÁBADO COM REGGAE

No dia 12/12 (sábado), a Virada Cultural traz dois grupos de reggae para apresentação em formato online pela Casa de Cultura Itaim Paulista. Às 18h teremos a apresentação do consagrado grupo de mulheres Filosofia Reggae, trazendo o melhor do reggae para a Virada Cultural. Posteriormente, às 19h30, teremos a apresentação do grupo Babylon 011, dupla paulistana formada em 2012 pelos artistas Fábio Leão e DJ BÓ 13.

Artista/Coletivo: FILOSOFIA REGGAE E BABYLON 011

Local: Casa de Cultura Itaim Paulista

Data: 12.12

Horário: 18h

DIA DO FORRÓ

Artista/Coletivo: Adriana Sanchez

Local: Centro de Tradições Nordestinas

Data: 12.12

Horário: 18h

DIA DO FORRÓ

Artista/Coletivo: Viva Dominguinhos: Liv Moraes e Trio Macaíba

Local: Centro de Tradições Nordestinas

Data: 12.12

Horário: 20h

CHORO DE SANTO

Grupo instrumental que busca trazer o melhor do Samba de Choro, , Jazz e ritmos da MPB brasileira, entre eles: Coco, Forró, Bossa nova, Calango e Samba de roda com músicas de compositores de todas as épocas; indo de Chiquinha Gonzaga, Pixinguinha, passando por Noel Rosa, Tom Jobim, Waldir Azevedo, Baden Powel, chegando a Arlindo Cruz, tocando também versões diferenciadas de sucessos executados por Miles Davis, Fred Sinatra, Elis Regina, Elizeth Cardoso e Beth Carvalho.
O grupo propõe divulgar a cultura da música para todos os públicos, dos mais variados tamanhos, em uma apresentação intimista, ou um show dançante; para grandes plateias, com repertório sempre bem selecionado, dividindo histórias, músicas e compositores.

Local: Casa de Cultura Municipal da Freguesia do Ó - Salvador Ligabue

Data: 12.12

Horário: 17h

A HISTÓRIA DA VIRADA CULTURAL DE SÃO PAULO

15 playlists com músicas de todas as edições da Virada Cultural em totens espalhados pela cidade.

Local:
Terminal Parque Dom Pedro II,
Terminal Santo Amaro,
Terminal Itaquera II,
Calçada do Ed. Matarazzo,
Vão do Masp

Data: 12.12

Horário: 18h às 18h

DIA DO FORRÓ

Para comemorar o final de semana do Dia do Forró, a Secretaria Municipal de Cultura fechou parceria com o Centro de Tradições Nordestinas - CTN, espaço importantíssimo para o gênero na cidade de São Paulo. Serão dois dias de shows presenciais, respeitando todos os protocolos exigidos para a prevenção contra a Covid-19.

Local: Centro de Tradições Nordestinas

Data: 12.12

Horário:
16h às 17h - Banda Bicho de Pé
18h às 19h - Adriana Sanchez
20h às 21h - Viva Dominguinhos: Liv Moraes e Trio Macaíba

RAINHAS DO FOGO

O show traz uma efervescência secular de celebração coletiva, de identidade cultural e da necessidade visceral de cantar, tocar e dançar, com obras de mestras poetisas e composições de Renata Rosa inspiradas em seu convívio, que também trazem a mística da mulher junto à terra, sua relação com a natureza e seus desafios no mundo contemporâneo. Nas plataformas digitais, Renata Rosa conta com a presença de dois importantes músicos, Mestre Nico e Maurício Badé, grandes percussionistas pernambucanos, radicados em São Paulo, que trazem a força da percussão dos xangôs e juremas de Pernambuco. O espetáculo traz ao público essa festividade régia, ritualística e simbólica, um novo som, que passa a energia do transe e uma incrível força de comunhão festiva.

Artista/Coletivo: Renata Rosa

Local: Centro Cultural da Juventude

Data: 12.12

Horário: 18h

Live Ospa

Músicos da orquestra e convidados realizam apresentações da Sala Sinfônica da Ospa.

Artista/Coletivo: Orquestra do Rio Grande Sul e Ponte Aérea Cultural

Data: 12.12

Horário: 17h

Temporada Osesp: Quarta E Oitava De Beethoven

A OSESP, sob a regência de Thierry Fischer, apresenta a Sinfonia no 4 em Si Bemol Menor, Op.60; e a Sinfonia no 8 em Fá Maior, Op.93.

Artista/Coletivo: OSESP

Data: 12.12

Horário: 17h30

MÚSICA NAS SACADAS

O projeto Música nas Sacadas propõe um espaço/palco em 5 sacadas localizadas no Centro da Cidade de São Paulo, em diferentes prédios da cidade. As propostas artísticas são variadas dentro do universo instrumental e erudito, abrangendo todos os matizes musicais do gênero.

Local: Hotel América do Sul, Galeria Metrópole, Theatro Municipal, Ponto Chic

Data: 13.12

Horário:
14h / 15h / 16h /17h Duo Santoro - Lívia Lanfranchi E Alessandro Santoro (30’)
Local: Hotel América do Sul

14h / 15h / 16h /17h Metassory Quarteto (30’)
Local: Galeria Metrópole

14h / 15h / 16h / 17h Duo Michel Moraes e Cris Nunes (30’)
Local: Ponto Chic

14h / 15h20 / 16h40 Duo Mr.& Mrs. Milling (30’)
Local: Sacada do Theatro Municipal de São Paulo

14h40 / 16h / 17h20 Duo Athena - Marília Vargas e Juliana Ripke (30’)
Local: Sacada do Theatro Municipal de São Paulo

JAZZ NA KOMBI

Criado há seis anos, o projeto Jazz na Kombi ocupa espaços públicos com uma Kombi customizada, que serve de palco para shows, levando o jazz e suas vertentes para o seu lugar de origem: a rua. Desde então, já circularam por diferentes locais da cidade, da periferia ao centro. Para esses tempos de pandemia, e atentos às orientações sanitárias, os organizadores apresentam uma proposta diferenciada para a Virada Cultural 2020.

Artista/Coletivo: LOQÜAZZ

Local: Trajeto: BMA > Rua da Consolação > Rua Bráulio Gomes > Rua Sete de Abril >Teatro Municipal > Rua 24 de Maio > Praça da República > Av. São Luiz > Rua Nestor Pestana > Rua Araújo > Av. Ipiranga

Data: 13.12

Horário: 16h LOQÜAZZ (60’)

PIANO ITINERANTE - POPULAR

Com o período de isolamento social para a prevenção contra o novo Coronavírus, a arte tem ganhado destaque no entretenimento da população. E, se as pessoas não podem sair de casa para ver um show, em razão das restrições impostas pela pandemia, a alternativa é levar o show até elas. Um piano meia cauda montado em cima de um trio elétrico irá rodar pelas ruas da cidade para levar à população música e arte em todas as regiões de São Paulo.

Artista/Coletivo: Simoninha, Rogério Rochlitz, Fernanda Porto, Leandro Lehart, Enok Virgulino, Fábio Leandro, Benziê, Tiê

Local: Zona Sul, Zona Norte, Zona Leste, Centro

Data: 13.12

Horário:
10h Tiê (60’) - LIVRE [Música]
Trajeto: Jardins > Rebouças > Consolação

11h30 Benziê (60’) - LIVRE [Música]
Trajeto: Amaral Gurgel > Ipiranga > São João > Amaral Gurgel

14h Leandro Lehart (60’) - LIVRE [Música]
Trajeto: Barra Funda > Pompéia > Lapa

15h30 Enok Virgulino* (90’) - LIVRE [Música]
Trajeto: Freguesia do Ó > Limão > Casa Verde (encerramento no Centro de Tradições Nordestinas)
* Programação especial do Dia do Forró

A'S TRINCA

Apresentação musical com faixas exclusivas do grupo A's Trinca, que iniciou sua trajetória no ano de 2012, cantando suas letras expressivas, sempre enfatizando a valorização da mulher, fazendo muita história desde os anos 2000.

Local: Casa de Cultura São Rafael

Data: 13.12

Horário: 18h

BRASILÂNDIA RAP SESSION

Mano Réu e Dj Kmina apresentam, por meio de uma performance interativa, suas produções e clássicos do Rap nacional, além de convidar outros Mc's da Brasilândia para o palco, promovendo e evidenciando a força do Rap no território.

Artista/Coletivo: Mano Réu e Dj Kmina

Local: Casa de Cultura Brasilândia

Data: 13.12

Horário: 12h40

BATALHA DA BRASILÂNDIA - HIP-HOP

A Batalha da Brasilândia é um manifestação artístico-cultural que engloba os elementos da cultura Hip-Hop, expressos por meio de batalhas de rimas, com o objetivo de oferecer entretenimento gratuito, principalmente, ao público jovem, desenvolver raciocínio crítico, promover debates sociais, assegurar o direito à liberdade de expressão e fomentar a cultura local; com a visão de expansão da cultura Hip-Hop e defesa de sua acessibilidade a qualquer público e com o compromisso de inclusão social, respeito à população e ao espaço público, além da responsabilidade, sobre a garantia de liberdade expressiva.

Local: Casa de Cultura Brasilândia

Data: 13.12

Horário: 15h30

DESFOQUE O CAOS - FEBRE TERÇÃ – MÚSICA

Apresentação de música Pop nacional em que a banda mescla ritmos como o: Hip-Hop, Rock, Reggae e MPB; dando uma característica singular ao encontro.

Artista/Coletivo: Febre Terçã

Local: Casa de Cultura Brasilândia

Data: 13.12

Horário: 17h

QUARTETO DE CORDAS DA CIDADE DE SÃO PAULO

O Quarteto de Cordas da Cidade de São Paulo foi fundado em 1935 com a ideia de difundir a música de câmara e estimular compositores brasileiros. É um grupo artístico fixo do Theatro Municipal de São Paulo. A atual formação conta com os violinistas Betina Stegmann e Nelson Rios, o violista Marcelo Jaffé e o violoncelista Rafael Cesário, músicos de intensa atividade no cenário musical brasileiro e de prestígio internacional. Já foi laureado com o Prêmio Carlos Gomes de Melhor Conjunto de Câmara em 2003, 2011 e 2012 e o APCA de Melhor Conjunto Camerístico em 2003, 2011 e 2012.

Local: Theatro Municipal de São Paulo

Data: 13.12

Horário: 11h

ORQUESTRA SINFÔNICA MUNICIPAL DE SÃO PAULO COM A REGÊNCIA DE ROBERTO MINCZUK

A história da Orquestra Sinfônica Municipal (OSM) se mistura com a da música orquestral em São Paulo, com participações memoráveis em eventos como a primeira Temporada Lírica Autônoma de São Paulo, com a soprano Bidu Sayão; a inauguração do Estádio do Pacaembu, em 1940; a reabertura do Theatro Municipal, em 1955, com a estreia da ópera "Pedro Malazarte", regida pelo compositor Camargo Guarnieri; e a apresentação nos Jogos Pan-Americanos de 1963, em São Paulo. Estiveram à frente da orquestra os maestros Arturo de Angelis, Zacharias Autuori, Edoardo Guarnieri, Lion Kaniefsky, Souza Lima, Eleazar de Carvalho, Armando Belardi e John Neschling. Roberto Minczuk é o atual regente titular e Alessandro Sangiorgi o regente assistente da OSM.

Local: Theatro Municipal de São Paulo

Data: 13.12

Horário: 12h15

ARNALDO ANTUNES - O REAL RESISTE

O "Real Resiste", 18º disco solo de Arnaldo Antunes, traz uma sonoridade intimista e mais concentrada nas canções. Para este show, Arnaldo preparou uma configuração nova, com a qual nunca havia se apresentado anteriormente. Acompanhado apenas de um piano, o cantor e compositor alterna as canções do novo álbum com outras de várias fases de sua carreira (como "Debaixo Dágua", "Lua Vermelha", "Socorro", "Vilarejo" e "Contato Imediato", entre outras), com poemas falados, entoados, sussurrados e filtrados por efeitos. Arnaldo será acompanhado do jovem músico pernambucano Vitor Araújo, que traz para esse encontro toda a sua inventividade e sutileza. Trata-se de uma formação mínima, mas que explora ao máximo seu repertório, passeando por composições de todas as épocas dos seus 38 anos de carreira solo.

Artista/Coletivo: Arnaldo Antunes

Local: Theatro Municipal de São Paulo

Data: 13.12

Horário: 13h30

YASMIN SANTOS

Cantora e compositora, Yasmin Santos é natural do Guarujá, litoral paulista. Tem 21 anos e assinou seu primeiro contrato com a Sony Music em 2018. Apaixonada por música, Yasmin tem ouvido absoluto e é autodidata. Toca bateria, violão, guitarra e baixo e, apesar de transitar por todos os gêneros, foi no sertanejo que encontrou seu estilo. Lançou seu primeiro trabalho em formato de dois EPs, divulgados em julho e agosto de 2018. No total, o álbum conta com 14 faixas, sendo duas de composição própria. Entre os destaques estão “Saudade Nível Hard”, “Tenho Dó da Sua Amante” e “Pronta Pra Trair”.
“Saudade Nível Hard”, sua primeira música de trabalho, foi lançada no YouTube e nas plataformas digitais em junho de 2018 e em pouco tempo ganhou repercussão nacional.

Local: Theatro Municipal de São Paulo

Data: 13.12

Horário: 15h

GLORIA GROOVE

Gloria Groove é uma das cantoras mais ouvidas da atualidade, sendo a drag queen brasileira com maior número de execuções no Spotify (quase 2,5 milhões de ouvintes mensais). É dona de hits como "Bumbum de Ouro", que a tornou nacionalmente conhecida, "Arrasta" (com participação de Leo Santana) e o mais recente, "Coisa Boa", que a colocou como a única drag no top 40 da plataforma de streaming. Aos 25 anos, Gloria desponta como uma das cantoras mais talentosas de sua geração, misturando pop, rap, trap e uma voz rara.

Local: Theatro Municipal de São Paulo

Data: 13.12

Horário: 16h30

ELBA RAMALHO - HOMENAGEM A JACKSON DO PANDEIRO, DOMINGUINHOS E LUIZ GONZAGA

Elba Ramalho nasceu no alto sertão da Paraíba, onde teve como cartilha os mais diversos ritmos dessa ensolarada região: baião, maracatu, xote, frevo, pastoril, caboclinhos e forrós. Ganhadora de dois Grammy Latino e 16 Prêmios da Música Brasileira, tem 38 discos em sua trajetória, com mais de 10 milhões vendidos. Elba iniciou a experiência musical tocando bateria no conjunto As Brasas, formado somente por mulheres. Embora o forró já estivesse bem sedimentado em nossa cultura, com Luiz Gonzaga, Jackson do Pandeiro e Marinês, entre outros, foi com Elba que o ritmo rompeu barreiras e se universalizou, sendo apreciado em qualquer tempo.

Artista/Coletivo: Elba Ramalho

Local: Theatro Municipal de São Paulo

Data: 13.12

Horário: 18h

BIKE SYSTEM

O Bike System é um coletivo que reutiliza, recicla e ressignifica bicicletas abandonadas pela cidade, e as transforma em aparatos difusores de arte, misturando a cultura Sound System e a mobilidade urbana. Na Virada Cultural 2020, a ação itinerante do coletivo FreeBeats Bike System será formada por 10 bicicletas, que passarão por pontos culturais e históricos da região central da cidade com um sistema de som comandado pelos DJs Mauro Farina, Salvador Araguaya, DJ Val Pescador e JaguaThirica aka ThiPessutto. Ao longo do trajeto, o coletivo vai distribuir máscaras, álcool em gel e kits para lavagem das mãos a pessoas em situação de rua.

Artista/Coletivo: Coletivo Bike System

Local: Rua da Consolação > Rua Formosa > Lago São Bento > Viaduto Santa Ifigênia > Luz > Largo do Paissandu > Rua da Consolação

Data: 13.12

Horário: 10h

BREGA MÓVEL

O Projeto Brega Móvel, com a festa Je Treme Moun Amour, pretende levar a autenticidade e a alegria da cultura do Brega para a cidade de São Paulo, com apresentações dos DJs residentes Tide e Madruga, além de artistas como a ex-chacrete Rita Cadillac e nomes contemporâneos como Givly Simons (Figueroas), Gigante César e Sucesso Repentino e Cabra Guaraná, em um “caminhão de som” em movimento, especialmente decorado.

Artista/Coletivo: Festa Je Treme Moun Amour (DJs Tide e Madruga) com apresentações de Cabra Guaraná (DF), Givly Simons (AL) e Rita Cadilac

Local: Saída na Av. Casper Libero, Rua dos Timbiras, Rua Dos Andradas, Rua General Osório, Av. Rio Branco, Rua Aurora, Av. São João, Rua Vitória, Rua Barão De Limeira, Pça Marechal, Largo Santa Cecília, Rua Frederico Abranches, Rua Dona Veridiana, Rua Canuto Do Val, Rua Martin Francisco, Rua Albuquerque Lins, Rua Das Palmeiras, Rua Sebastião Pereira, Largo Do Arouche, Rua Vitória, Av. São João, Rua Pedro Américo, Rua Vieira De Carvalho, Largo Do Arouche

Data: 13.12

Horário: 13h

CIDA MOREIRA - SHOW SOLEDADE

A cantora Cida Moreira mostra ao público "Soledade", "um estado poético e musical, um sentimento de soledade pessoal e outros muitos sentidos vindos da memória, da poesia, de uma viagem antiga pelas cidades, pelos amores, pelas grandes referências a um estado de alma feminino, de uma artista que em tudo canta um Brasil profundo", como a mesma define.

Artista/Coletivo: Cida Moreira

Local: Centro Cultural Vila Itororó

Data: 13.12

Horário: 11h

BRUNA CARAM

Cantora, atriz, compositora, poeta, instrumentista e preparadora vocal, Bruna Caram lança seu sexto álbum, "Alívio Ao Vivo", primeiro registro de sua performance nos palcos, gravado no final de 2019. O espetáculo, que fala sobre a música como cura e ferramenta de luta, conta a cada canção situações em que a música pode “nos salvar”.

Local: Centro Cultural Vila Itororó

Data: 13.12

Horário: 15h30

BANDA CORADO

Com influências de reggae, rock, r&b e rap, a banda Corado apresenta show do EP "Miliano", com repertório de músicas autorais e releituras de Bob Marley, Stevie Wonder, Lauryn Hill, Djavan, Al Green, BaianaSystem, Erykah Badu e Tim Maia, entre outros.

Local: Centro Cultural Vila Itororó

Data: 13.12

Horário: 17h

BANDA SHOW DO BLOCO AÍ SE ME PERDEU

Um trajeto de interlocução com as entradas principais das principais vias do Campo Limpo. Músicos da Banda Show do Bloco Aí Se Me Perdeu apresentam um repertório variado e alegre com sambas, axé, lundu e samba rock. O palco móvel (Trio Elétrico), irá circular pela Estrada do Campo Limpo até a Praça do Campo Limpo.

Local: Itinerante pela Estrada do Campo Limpo saindo do Pq Arariba até Praça do Campo Limpo

Data: 13.12

Horário: 14h

FLAVINHO MELLO E BANDA SWING DE MESA

Na apresentação do grupo, músicas que vão do antigo ao contemporâneo, passando por clássicos internacionais, canções icônicas da MPB e divertidos samba-rock, sempre com improvisos que estão na essência da banda.

Local: Centro de Culturas Negras

Data: 13.12

Horário: 04h

XORÃO TRINDADES

Em sua apresentação solo, o percussionista Xorão Trindades traz um misto de descobertas sonoras por intermédio de utensílios domésticos de fácil acesso, promovendo assim uma viagem percussiva, passando por diversos ritmos musicais da cultura afro-brasileira, como congo de ouro, coco, maracatu, jongo e ijexa.

Local: Centro de Culturas Negras

Data: 13.12

Horário: 10h

CORTEJO LAS MARTAS

Ao som de músicas dançantes, como cumbia, forró e música balcânica, artistas apresentam um cortejo com malabaristas e performers que traz alegria para as ruas, provocando um olhar generoso entre os habitantes da sociedade e conscientizando sobre os cuidados que devemos tomar nestes tempos.

Artista/Coletivo: Cia. Las Martas

Local: Praça Elis Regina - Butantã

Data: 13.12

Horário: 16h

STATUES ON FIRE

Statues on Fire possui 5 turnês pela Europa e desponta como um dos nomes mais promissores do punk e hardcore nacional. Com três discos lançados por gravadoras da Europa e EUA, é uma das maiores bandas de hardcore do Brasil.

Local: Casa de Cultura do Butantã

Data: 13.12

Horário: 14h

SISTAH CHILLI + MÚSICA AGOSTO

Música Agosto ´uma banda de rock com influências de ska e ritmos brasileiros, formada em 2011. Sistah Chilli é idealizadora do projeto cypher Psipopretas e cantora de rap/rub a dub. Juntos nessa apresentação exclusiva, farão um tributo a clássicos do ska e reggae jamaicano.

Local: Casa de Cultura do Butantã

Data: 13.12

Horário: 18h

GRUPO URBANNO`S

Crias do extremo leste da capital paulista, a dupla cresceu nas ruas da maior Cohab da América Latina (Cidade Tiradentes). Foram influenciados por grupos como Racionais, N.W.A, Eazy-E e outros, em uma época que o gangsta rap dominava as paradas de sucesso em todo mundo. No ano de 1997 a dupla começou a frequentar e fazer parte de importantes movimentos comunitários, levando o rap como válvula de escape para jovens de baixa renda das comunidades.

Local: Rua Alves Domingo Rego

Data: 13.12

Horário: 17h

DJ LIL TICY

DJ Set Funk Brasilis é a mistura de brega funk com os hits dos bailes funks que acontecem nas periferias de diversas cidades brasileiras, inclusive em São Paulo. DJ Lil Ticy mistura sua representatividade LGBTQIA+ com Funk Brasilis na sua nova tour.

Local: Quadra Praça Maria da Graça

Data: 13.12

Horário: 16h

CHORINHO E SAMBA RAIZ

O grupo Mosaico iniciou suas apresentações no ano de 2013 no evento “Encontrem 2013”, com a filosofia de manter a autenticidade das composições dos mestres veteranos e buscando levar a cultura do bom choro e samba raiz. Após este primeiro encontro, o grupo se apresentou em vários lugares e eventos diversos.

Local: Casa de Cultura de Guaianases

Data: 13.12

Horário: 16h

DIA DO FORRÓ

Artista/Coletivo: Balaio de Baião e Trio Borogodó

Local: Centro de Tradições Nordestinas

Data: 13.12

Horário: 14h

DIA DO FORRÓ

Artista/Coletivo: Marisko

Local: Centro de Tradições Nordestinas

Data: 13.12

Horário: 16h

DIA DO FORRÓ

Artista/Coletivo: Rastapé

Local: Centro de Tradições Nordestinas

Data: 13.12

Horário: 18h

JAM INSTRUMENTAL BRASILEIRA - TRIBUTO ALDIR BLANC

Um time de craques da cena da música instrumental paulista se reúne para o projeto Jam Brasil Instrumental. Os pianistas Hercules Gomes e Laércio de Freitas, junto com Shen Ribeiro, Fábio Peron Trio e o grupo instrumental Fabio Tagliaferri Trio, interpretam clássicos do choro e da MPB em arranjos exclusivos, em formações de duos e trios.

Artista/Coletivo: Hercules Gomes e Laercio de Freitas em duo com Shen Ribeiro, Fabio Peron Trio e o grupo instrumental Fabio Tagliaferri Trio

Local: Teatro Alfredo Mesquita

Data: 13.12

Horário: 17h

PALCO LGBTQIA+ CASARÃO

MC Dellacroix é multiartista, compositora, modelo, rapper e produtora cultural. Com sete anos de carreira artística, do teatro à performance, é referência na cena nacional do hip hop há quatro anos com o projeto Dellacroix, cujo mais recente trabalho é o EP "#DLCRX".

Artista/Coletivo: MC Dellacroix convida Pamkapauli

Local: Casa de Cultura Vila Guilherme - Casarão

Data: 13.12

Horário: 13h

SHOW NA CASA - NOVO PLANETA

Novo planeta é uma banda que carrega diversas influências em sua sonoridade, passando pelo Rap, Reggae, Rock e MPB. Formado no Bairro do Jardim Brasil em São Paulo, o grupo tem como integrantes: Mano Bob no vocal e no violão, Ramall na voz e percussão, Rafa na guitarra e Naske na bateria.

Artista/Coletivo: Novo Planeta

Local: Casa de Cultura Vila Guilherme - Casarão

Data: 13.12

Horário: 15h

BEETHOVEN 250

Considerada uma das coleções mais importantes da história e “o novo testamento do piano”, as 32 sonatas de piano de Beethoven foram compostas entre 1795 e 1822. Desde então, a execução da integra se tornou um desafio para pianistas do mundo todo e foi realizada raríssimas vezes. Durante a Virada Cultural, um piano vaga pela cidade com mais de 13 pianistas se revezando na execução integral das 32 sonatas, que totalizam uma obra prima de 10 horas e 12 minutos. O evento, que será transmitido pela internet, marca as comemorações de 250 anos deste gênio da música. Nomes como Cristan Budu, Leandro Roverso, Ricardo Ballestero, Beatriz Alessio, Guilherme Pozzi, Luciana Noda, Erika Ribeiro, Pedro Brack, Lucas Tomazinho, Leandro Isaac Mota, Karin Fernandes, Miguel Angel Sabba, Cris Bloes, Ester Yurie Yoshimoto e Andre Pedico fazem parte do elenco.

Local: Av. Angélica, 791-745 - Santa Cecilia > Av. Pacaembu, 575 - Barra Funda

Data: 13.12

Horário: 7h

A HISTÓRIA DA VIRADA CULTURAL DE SÃO PAULO

15 playlists com músicas de todas as edições da Virada Cultural em totens espalhados pela cidade.

Local:
Terminal Parque Dom Pedro II,
Terminal Santo Amaro,
Terminal Itaquera II,
Calçada do Ed. Matarazzo,
Vão do Masp

Data: 13.12

Horário: 18h às 18h

DIA DO FORRÓ

Para comemorar o final de semana do Dia do Forró, a Secretaria Municipal de Cultura fechou parceria com o Centro de Tradições Nordestinas - CTN, espaço importantíssimo para o gênero na cidade de São Paulo. Serão dois dias de shows presenciais, respeitando todos os protocolos exigidos para a prevenção contra a Covid-19.

Local: Centro de Tradições Nordestinas

Data: 13.12

Horário:
14h às 15h - Balaio de Baião e Trio Borogodó
16h às 17h - Marisko
18h às 19h - Rastapé

AMILSON GODOY QUINTETO

Amilson Godoy ao piano, Arismar e Thiago Espírito Santo revezando entre o baixo e a guitarra, Gerson Galante no saxofone e flauta e Christiano Rocha na bateria apresentam virtuosismo e a levada rítmica marcante, aliados a um repertório bem brasileiro, contendo “Frevo Ligth”, linda pareria entre Amilson e Arismar, e composições de Amilson, como “Fronteira”, “Jogando Pião” e “Chorinho de Brincadeira”, além de clássicos da música brasileira, como “Wave” e “Samba da Minha Terra’.

Data: 13.12

Horário: 12h

MÚSICA #EmCasaComSesc - CARNE DOCE

A banda goiana explora a geografia íntima e as próprias origens em um novo registro de estúdio: "Interior" (2020). As 12 composições (em boa parte, lapidadas e gravadas entre março e agosto) revelam a versatilidade estética e rítmica da banda, que desta vez experimenta estilos como dub, reggae, samba e trap, sempre acompanhada por guitarras acentuadas e a força lírica de Salma Jô.

Local: Sesc Digital

Data: 12.12

Horário: 19h

SELO SESC: LANÇAMENTOS DIGITAIS

Lançamentos do Selo Sesc que o público pode ouvir primeiro no Sesc Digital, antes de encontrá-los nas outras plataformas de streaming musical

● Claudio Santoro: Obra Completa para Violino & Piano
● Anel – Alaíde Costa canta José Miguel Wisnik

Local: Sesc Digital

Data: 12 e 13.12

GRUPOS INFANTIS E JUVENIS | TEMPORADA 2020

GRUPOS INFANTIS E JUVENIS | TEMPORADA 2020
• Coral de Familiares do Guri
Déborah Rossi, regente convidada
12 de dezembro | sábado, 20h

• Orquestra Sinfônica Infanto-Juvenil do Guri
Gabriel Rhein-Schirato, regente convidado
12 de dezembro | sábado, 20h30

Local: Projeto Guri

Data: 12.12

Horário: 20h / 20h30

LIGA CARNAVAL SP

As escolas de samba de São Paulo se apresentam em frente ao Espaço Cultural do Carnaval na Arena de Lazer Sambódromo do Anhembi. No sábado, a partir das 14h, as escolas do grupo Especial fazem um pocket show, com elenco reduzido e seguindo os protocolos de controle e prevenção da Covid-19. As agremiações serão acompanhadas pela bateria da Águia de Ouro, campeã do Carnaval de 2020. Já no domingo (13), a partir das 10h, as escolas dos grupos de Acesso e Acesso II se apresentam no mesmo formato e seguindo os mesmos protocolos. O grupo de Acesso será acompanhado pela bateria da Vai-Vai, campeã em 2020. Já as agremiações do Acesso II serão acompanhadas pela bateria do Morro da Casa Verde, atual vencedora do grupo.

Artista/Coletivo: Escolas de Samba do grupo Especial com bateria da Águia de Ouro

Local: Sambódromo do Anhembi.- Arena de Lazer

Data: 12.12

Horário: 14h

LIGA CARNAVAL SP

As escolas de samba de São Paulo se apresentam em frente ao Espaço Cultural do Carnaval na Arena de Lazer Sambódromo do Anhembi. No sábado, a partir das 14h, as escolas do grupo Especial fazem um pocket show, com elenco reduzido e seguindo os protocolos de controle e prevenção da Covid-19. As agremiações serão acompanhadas pela bateria da Águia de Ouro, campeã do Carnaval de 2020. Já no domingo (13), a partir das 10h, as escolas dos grupos de Acesso e Acesso II se apresentam no mesmo formato e seguindo os mesmos protocolos. O grupo de Acesso será acompanhado pela bateria da Vai-Vai, campeã em 2020. Já as agremiações do Acesso II serão acompanhadas pela bateria do Morro da Casa Verde, atual vencedora do grupo.

Artista/Coletivo: Escolas de Samba dos grupos de Acesso I e II com bateria da Vai-Vai

Local: Espaço Cultural do Carnaval - Arena de Lazer Sambódromo do Anhembi

Data: 13.12

Horário: 10h